Skip to content

FóruMIS 40 anos inicia a semana em diálogo sobre Arquivo Público e Memória Coletiva nesta terça-feira (15/9)

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

A segunda conversa do FórumMIS 40 anos, “Arquivo Público e Memória Coletiva” é tema de diálogo entre Daniel Sosa e Tiago Santana com mediação de Rosely Nakagawa. O evento ocorre às 11h no Youtube do MIS.

Em um processo de fomento à cultura e à arte, o Museu de Imagem e do Som do Ceará (MIS), equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), comemora seus 40 anos com atividades especiais, enquanto não inaugura seu espaço físico ao público. A programação do FóruMIS 40 anos – que foi lançada no último dia 11/9 – traz uma série de conversas on-line que irão discutir temas voltados ao som, imagem e a produção de projetos artísticos.

No segundo encontro do FóruMIS, o diretor do Centro de Fotografía de Montevideo, no Uruguai, Daniel Sosa, e o fotógrafo cearense, Tiago Santana, irão abordar questões relativas ao Arquivo Público e Memória Coletiva. Com mediação da curadora, Rosely Nakagawa, os especialistas irão dialogar sobre a importância da conservação e exposição dos materiais como registro histórico e social de culturas latino americanas; e como a troca de tais registros podem ajudar na estruturação e preservação de grupos e culturas que estejam distantes de grandes centros urbanos. 

REFLEXÕES SOBRE OS ARQUIVOS PÚBLICOS

Vivemos em uma sociedade marcada pelo expressivo e crescente papel da informação e pela potencialidade transformadora que ela exerce sobre os eixos econômico, social, cultural e político, onde a produção do conhecimento se constrói em um cenário de múltiplas interpretações por parte de seus atores sociais. 

Acompanhando a crescente demanda das tecnologias da informação e a consequente celeridade de sua obsolência face às transformações que a sociedade pós moderna passa, algumas instituições são permanentemente instigadas a se reinventar sobre suas práticas e funções, renovando seus sentidos. É neste contexto que os Arquivos Públicos se consolidam como lugares da memória, que se renovam além de suas funções tradicionais de coleta, salvaguarda, preservação, armazenamento e fruição das informações, uma vez que as práticas da tecnologia, têm contribuído para uma ampliação da relação e do encontro da identidade de uma sociedade com a sua multifacetada herança cultural. 

SOBRE A PROGRAMAÇÃO

FóruMIS 40 anos acontece entre os setembro e dezembro de 2020, sempre às terças e sextas a partir das 11h, através das redes sociais do Museu (Youtube e Instagram). Ainda em setembro, serão realizados sete encontros organizados por temas relacionados às áreas do museu. O Museu da Imagem e do Som do Ceará (MIS CE) é um equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult CE).

MAIS SOBRE OS DEBATEDORES

DANIEL SOSA

Uruguaio, o fotógrafo Daniel Sosa é um dos criadores do Centro de Fotografia de Montevidéu, onde atua como diretor desde 2002. Instituto dedicado à promoção e difusão da fotografia no Uruguai e América Latina, o centro mantém um fundo de mais de 100 mil fotografias históricas do período entre 1840 e 1990 e mais de 30 mil imagens contemporâneas criadas de 1990 até os dias atuais. Um dos editores da revista Sueño de la Razón, coordena permanentemente 9 salas de exposição onde são exibidas obras de arte de fotógrafos contemporâneos uruguaios e de outros países. Além disso, produz um programa semanalmente na televisão, f/22, dedicado à reflexão e à promoção da fotografia. O CdF organiza o Festival Internacional de Fotografia “MUFF” a cada três anos, no qual Daniel Sosa é o diretor.

TIAGO SANTANA

Fotógrafo, atua desde 1989, desenvolvendo ensaios pelo Brasil e América Latina. Em 1994 recebeu a Bolsa Vitae de Artes com o projeto Benditos, livro publicado em 2000; e o Prêmio Marc Ferrez de Fotografia, em 1995. Em 2007 ganhou os Prêmios Conrado Wessel de Ensaio Fotográfico e APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte, pelo ensaio O Chão de Graciliano, livro realizado em parceria com o jornalista Audálio Dantas. Ganhou o prêmio O Melhor da Fotografia no Brasil em 2007, 2008 e 2009. Em 2010 recebeu o Prêmio Porto Seguro Brasil de Fotografia. Tem trabalhos publicados em revistas e livros no Brasil e no exterior. Sua obra integra importantes acervos e coleções de fotografia. Em 2011 foi o segundo brasileiro a ter seu trabalho publicado na coleção francesa Photo Poche. Em 2014 publicou o livro Céu de Luiz, também em parceria com o jornalista Audálio Dantas. Organizou diversas exposições e festivais de fotografia no Brasil. É fundador da Editora Tempo d’Imagem em Fortaleza, no Ceará. É idealizador e Diretor Artistico do Solar FotoFestival, que teve a sua primeira edição em 2018 em Fortaleza, Ceará.

ROSELY NAGAKAWA

Arquiteta formada pela FAUUSP, com especialização em Museologia e Semiótica da Comunicação. Tem atuado como curadora, editora e coordenadora cultural em diversas instituições, museus, galerias e Secretarias de Cultura. Fundou a primeira galeria de fotografia do Brasil com Thomas Farkas em 1979, a Galeria Fotoptica. Coordenou a Casa da Fotografia FUJI ( 1994/2004 ), as galerias FNAC no Brasil( 1999/2009 ), onde pode acompanhar a melhor produção da fotografia brasileira contemporânea. Atua como curadora nos principais museus de São Paulo, Pinacoteca do Estado, MASP, MAM, MAC, MIS, e Instituições como Itaú Cultural e Instituto Moreira Salles, SESC, SENAC e Videobrasil. No Brasil, atua especialmente em Fortaleza como consultora da SECULT Ceará e em Belém do Pará, na Casa das Onze Janelas, no Museu de Arte do Pará e Museu de Arte de Belém. Como curadora independente, tem realizado mostras internacionais no MOMA PS/1, Guggenheim /NY, Nagoya Meptropolitan Museum of Photography,  Fundação Calouste Gulbenkian, MUDE Museu de Design de Lisboa, entre outros.

Saiba mais acompanhando nossos canais oficiais!

Instagram @mis_ce

Site www.mis-e.art.br

SERVIÇO

FóruMIS 40 anos

Quando: 11 de setembro a 02 de Outubro

Local: Youtube do MIS Ceará (http://bit.ly/YoutubeMISce)

Gratuito

Saiba mais: www.mis-ce.art.br

Programação do FórumMIS 40 anos

Setembro

11 de Setembro

Tema: Educação na Arte e Arte na Educação

Participantes: Paulo Pires do Vale, Comissário do Plano Nacional de Artes de Portugal, Silas de Paula, diretor do MIS e mediação da curadora Rosely Nakagawa.

Hora: 11h

15 de Setembro

Tema: Arquivo Público e Memória Coletiva

Participantes: Daniel Sosa, diretor do Centro de Fotografia de Montevideo, no Uruguai e o Fotógrafo cearense Tiago Santana, com mediação da Curadora Rosely Nakagawa

Hora: 11h

18 de Setembro

Tema: Acervo Digital – Armazenamento e Preservação Digital

Participantes: Millard Schisler, Professor da Johns Hopkins University e Gestor de Acervos do Instituto Moreira Salles e Patrícia de Filippi, Pesquisadora e Restauradora, coordenou por 15 anos o Laboratório de Restauração da Cinemateca Brasileira (MinC), com mediação da curadora Rosely Nakagawa.

Hora: 11h

22 de Setembro

Tema: A Imagem do Som e o Som da Imagem

Participantes: José Luiz Sasso, engenheiro de som e um dos principais nomes da mixagem e sonorização para cinema e vídeo, e Daniel Sasso, Gerente Técnico dos Estúdios JLS e pesquisador e produtor do Som, especialmente na área de Experiências de Áudio Imersivo em games, vídeos e experiências em realidade virtual, com mediação da pesquisadora Patrícia de Fillipi

Hora: 11h

25 de Setembro

Tema: Narrativa Sequencial, Games, Graphic Novel, Desenho Gráfico e Feira Des.Gráfica

Participantes: Rafael Coutinho, designer e criador da Feira Des.Gráfica e Vicenzo Pegado, UXDesigner, com mediação de Rodrigo Costa Lima

Hora: 11h

29 de Setembro

Tema: Novas Mídias no Eixo Sul

Participantes: Vincent Carelli, antropólogo e documentarista e Solange Farkas, curadora e criadora da Associação VídeoBrasil, com mediação da Curadora Rosely Nakagawa

Hora: 11h

Outubro

02 de Outubro

Tema: Política de Acesso à Biblioteca de Arte

Participantes: Ana Barata, curadora da Biblioteca de Arte da Fundação Calouste Gulbenkian, e Miguel Del Castillo, curador da Biblioteca de Fotografia do IMS Paulista, com mediação da Curadora Rosely Nakagawa.

Hora: 11h